Importância em oferecer experiências positivas aos clientes, por Rodrigo Terpins

Não é de agora que o mercado percebeu que o caminho para o sucesso está relacionado aos impactos positivos que as empresas causam em seus clientes. Com o intuito de oferecer abordagens que ajudem a potencializar a gestão de satisfação de clientes, a Track Sale passou a realizar o maior evento sobre experiências vividas por consumidores, a Customer Experience Summit.

A 4ª edição do encontro aconteceu, este ano, em São Paulo, no dia 28 de setembro. De acordo com as informações fornecidas pelo empreendedor varejista Rodrigo Terpins, a startup mineira conseguiu reunir no local mais de 800 participantes, entre eles profissionais da área e interessados no assunto.

Esse dia de imersão contou com a participação de profissionais munidos de grande know-how nesta área. Na ocasião, foram compartilhadas experiências e apresentadas ferramentas e técnicas para o aumento da fidelização às marcas entre outras melhorias destinadas a boas experiências do consumidor.

Rodrigo Terpins reporta que a abertura do evento foi realizada por Luiza Trajano, presidente do conselho administrativo do Magazine Luiza. Para ela, com o crescente acesso às redes sociais é necessário que os esforços sejam concentrados na criação de experiências positivas para o consumidor, pois “o poder está em servir as pessoas”.

O uso eficiente da tecnologia foi um dos tópicos abordados nos debates, pois, atualmente, a tecnologia envolve inúmeros pontos importantes do varejo, sendo um dos principais destaques o e-commerce. Muitos consumidores estão aderindo às compras online, o que é extremamente positivo quando as operações são bem sucedidas, pois basta uma falha para que o consumidor considere essa experiência negativa, podendo acarretar em reclamações em portais online e compartilhamentos contra a empresa nas várias redes sociais existentes.

No decorrer do evento, a sócia-diretora da consultoria focada no cliente Flwow, Claudia Vale, falou sobre o afastamento do contato humano por conta da tecnologia. Em sua opinião, isso ocorre quando a ferramenta é usada de maneira incorreta, desfavorecendo a eficiência do recurso. Rodrigo Terpins lembra que muitas consultorias e startups fazem uso de tecnologias em iniciativas capazes de gerar emoções, deste modo, elevando o grau de fidelização dos clientes.

Tomás Duarte, CEO da Track Sale, também teve sua vez de dissertar no próprio evento. Seu discurso apresentou um cenário bastante interessante sobre como será, em sua visão, o futuro do consumo até o ano de 2030. Rodrigo Terpins relata que para Duarte, as startups irão sobressair e dominar o mercado das grandes empresas, os grandes computadores perderão em capacidade de processamento para os smartphones e as entregas pequenas passarão a ser efetuadas por drones, porém sempre mantendo o foco na satisfação do cliente.

Durante o Customer Experience Summit foi possível perceber que todos os palestrantes destacaram como ponto em comum a importância de proporcionar satisfação aos clientes, assim oferecendo uma experiência diferenciada com o objetivo de estabelecer um vínculo entre ambas as partes.

Rodrigo Terpins finaliza transmitindo que com o avanço tecnológico já é possível saber quanto tempo um cliente ficou em cada gôndola e se ele saiu da satisfeito, por exemplo.

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *